Últimas Notícias

Compartilhe

TCE encontra irregularidades em unidades de saúde de Bauru e região em fiscalização surpresa

botucatublogger | 10:37 | 0 comentários

Fiscais percorreram hospitais, postos de saúde e outras unidades em seis cidades do Centro-Oeste Paulista.


Por G 1

Unidades de Saúde de Bauru, Agudos, Barra Bonita, Mineiros do Tietê e Botucatu foram alvos de uma fiscalização feita de surpresa pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), que encontrou graves irregularidades. Os problemas mais sérios estão em Bauru e Botucatu.

Os auditores saíram a campo como pacientes e encontraram vários problemas. Segundo relatório apresentado pelo TCE, existem casos de alvará do Corpo de Bombeiros vencidos, medicamentos vencidos, péssimas condições de higiene nos prédios e espera de mais de cinco horas para atendimento.

Em Bauru, na Unidade de Saúde do Geisel não há controle de estoque de medicamentos, possibilitando desvios na utilização e até mofos nas paredes. Já na Vila Dutra, os prontuários dos pacientes ficam armazenados no banheiro.

Prontuários dos pacientes ficam armazenados no banheiro (Foto: Reprodução/TV TEM)
Prontuários dos pacientes ficam armazenados no banheiro (Foto: Reprodução/TV TEM)

Em Botucatu na Vila dos Lavradores, um equipamento chegou com atraso e já sem condições de uso. Também foi encontrado problemas graves na estrutura física e atendimento das unidades.

Segundo o diretor regional do TCE, José Paulo Nardone, muitas irregularidades foram encontradas. “A constatação de problemas muito graves, além do que nós imaginávamos na qualidade de atendimento, de estrutura física das unidades, mesmo a questão de controle de medicamentos e equipamento com problemas bastante graves. Uma unidade de saúde tem que primar pela higiene, é o mínimo. A contaminação em uma unidade de saúde é muito grave. O usuário se dirige a uma unidade de saúde para receber atendimento e não para ser contaminado. Há situações que se a Vigilância Sanitária comparecer ela vai interditar o imóvel. Inclusive nós percebemos a inexistência do auto de vistoria do Corpo de Bombeiros e do alvará da Vigilância Sanitária. Em um caso extremo em uma unidade de saúde visitada por nós, a sala de esterilização funciona junto com a sala de curativos. Não tem como uma situação dessa.”

O secretário de saúde de Bauru, José Eduardo Fogolin, informou que a Secretaria já está tomando as providências para cumprir as exigências do Tribunal de Contas.

Em relação ao laudo de vistoria dos bombeiros na UPA do Geisel, a Secretaria de Saúde de Bauru informou que uma nova vistoria foi feita e que o formulário padrão já foi preenchido no site dos bombeiros. A situação deve ser regularizada em dez dias.

A produção da TV TEM entrou em contato com a prefeitura de Botucatu para saber quais providência serão tomadas, mas não teve retorno.

A Secretaria de Mineiros do Tietê informou que a única questão apontada no município foi a falta da escala de profissionais médicos e da enfermagem do mês de abril, pois estava sendo confeccionada. Na quinta-feira foi afixada no quadro de avisos.


Em Barra Bonita, a Secretaria informou que os apontamentos na unidade foram em relação a inexistência de banheiro para deficiente, a não colocação no sistema de controle do nome do paciente que recebeu o medicamento, equipamento odontológico não utilizado e e folha ponto. A Secretaria de Saúde já está realizando os ajustes necessários.

A prefeitura de Agudos informou que não foram notificados de nenhuma irregularidade. Contudo, durante a visita, foram apontados melhorias para o atendimento à população, como instalação de um painel de senhas para que haja senha preferencial, e sobre equipamentos novos que não estão em uso, porém que estão aguardando adequações de salas, já em fase final para serem instalados.

Mofo foi encontrado em Unidade de Saúde de Bauru (Foto: Reprodução/TV TEM)
Mofo foi encontrado em Unidade de Saúde de Bauru (Foto: Reprodução/TV TEM)

Category:

0 comentários

Ultimas Notícias

Loading...