Últimas Notícias

Compartilhe

Músico do Karametade é suspeito do assassinato de turista argentino

botucatublogger | 20:37 | 0 comentários

Além de Tody Cantuária, Julio Cesar Oliveira Godinho e Pedro Henrique Marciano estariam envolvidos na morte de Matias Carena.

Eliane SantosDo EGO, no Rio
Tody Cantuária (Foto: Reprodução/Instagram)Tody Cantuária (Foto: Reprodução/Instagram)


O cantor Tody Cantuária, músico do grupo Karametade, é um dos homens que aparecem nas imagens da câmera de segurança da rua Vinícius de Moraes, em Ipanema, agredindo o argentino Matias Carena no domingo, 26. A Divisão de Homícios chegou à ideintificação nesta terça-feira, 28, e pediu a expedição do mandado de prisão do músico. Além dele, Júlio Cesar Oliveira Godinho e Pedro Henrique Marciano seriam os outros envolvidos.
De acordo com a coluna on line do jornalista Leo Dias, do jornal carioca "O Dia", as imagens da câmera mostrariam que foi o pagodeiro quem deu o soco que derrubou e vitimou o argentino.
O EGO teve acesso ao mandado de prisão emitido em nome de Valterson Ferreira Cantuária - verdadeiro nome do músico -, de 28 anos, e assinado pela magistrada Angélica dos Santos Costa nesta terça, 28, com o pedido de prisão temporária válido por cinco dias.
O site também entrou em contato com o grupo Karametade, e o empresário Paulo César Serra disse que Tody não trabalha mais com eles desde novembro. Além do Karametade, Tody já tocou com o grupo "I love samba" e "Plano A".

Entenda o caso
Na madrugada do domingo, 26, o argentino e jogador de futsal Matias Sebástian Carena, de 28 anos, se envolveu em um briga com um grupo de brasileiros na saída de uma boate em Ipanema. Ele teria levado um soco e batido com a parte de trás da cabeça num batente de uma loja. A causa da morte, segundo a Divisão de Homicídios, foi traumatismo craniano.

Category:

0 comentários

Ultimas Notícias

Loading...